Mesmo com prazo prorrogado, Rio Branco tem queda de 22% na arrecadação do IPTU

Em 2019 a arrecadação do município foi de R$ 23,4 milhões.

Já em 2020, o número caiu para R$ 18,1 milhões.

Mesmo com prazo prorrogado, Rio Branco tem queda de 22% na arrecadação do IPTU Marcos Vicentti/Asscom Mesmo com o prazo para o pagamento do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) prorrogado, a prefeitura de Rio Branco teve uma queda 22% na arrecadação do município em 2020, se comparado com os números da arrecadação do ano passado. Em 2019 a arrecadação do município foi de R$ 23,4 milhões.

Já em 2020, o número caiu para R$ 18,1 milhões conforme dados da secretaria de finanças.

Os dados foram calculados desde o dia 1º de janeiro a 30 de junho. O prazo para vencimento do imposto em cota única com desconto de 20% estava previsto para o dia 30 de abril, mas, devido a pandemia do novo coronavírus, a prefeita Socorro Neri prorrogou o prazo para o dia 30 de junho. A prorrogação do prazo foi anunciada pela prefeitura ainda no começo de abril, quando ainda faltavam três semanas para o vencimento do imposto. Além da cota única, o imposto também pode ser pago parcelado, em até cinco vezes, com desconto de 10%.

A primeira parcela também venceu no último dia 30 de junho.

As outras devem ser quitadas ao final dos meses de julho, agosto, setembro e outubro.

Categoria:Acre